março 29

Três Vezes Amor (Definitely, Maybe), 2008

Olá pessoal, tudo bem?

O filme de hoje é uma comédia romântica muito, muito fofinha. Espero que gostem.

Will Hayes (Ryan Reynolds) trabalha em uma empresa de publicidade, mora em Manhattan e está se divorciando. Ele é pai de Maya (Abigail Breslin), uma garotinha de dez anos muito esperta e observadora.

Após assistir uma aula de educação sexual, Maya fica curiosa em saber como seu pai se apaixonou por sua mãe. Will diz que só irá contar essa história a ela quando Maya tiver idade suficiente. Mas a pequena é tão insistente que o pai se rende. Mas ele diz que contará três histórias, de três amores sérios que teve antes de se casar com sua mãe, que os nomes das personagens não serão reais e que ela terá de descobrir qual das três é sua mãe.

Os três amores de Will são: Emily (Elizabeth Banks), April (Isla Fisher) e Summer Hartley (Rachel Weisz). A história é cheia de encontros e desencontros, a medida que ele vai contando, Maya vai descobrindo algumas coisas que não imaginava que seu pai fazia, e também se depara com algumas “coisas de adulto” que ela não entende.

Ao conhecer a história de amor de sua mãe e seu pai Maya percebe que o amor é realmente muito complicado.

Este filme me ganhou já no começo, quando o personagem de Ryan Reynolds começa a falar sobre como é bom quando você encontra a trilha sonora perfeita para o seu dia, mesmo que nem sempre você consiga prever tudo o que pode te ocorrer neste dia.

O filme é muito lindinho, a relação entre pai e filha é a coisa mais doce do mundo, fiquei apaixonada pelos dois. A conversa entre eles também nos rende boas risadas, as cenas mais engraçadas do filme são esses diálogos. Eu achei muito fofa a preocupação de Maya com a felicidade de seu pai.

A revelação da mãe me deixou um pouco desapontada, eu estava torcendo por uma e foi outra, mas eu gostei do final.

É uma comédia romântica diferente, foge um pouco dos clichês, ela não foca só no romance, ela mostra que a vida é uma caixinha de surpresas, que o destino nos leva para um determinado caminho, mas em algum momento desse caminho ele nos faz retornar ao ponto de partida. Nos mostra que o amor e a vida são imprevisíveis e confusos.

É um filme super recomendado, tenho certeza de que vão amar.

“Quero me casar com você porque é a primeira pessoa que quero ver ao acordar pela manhã e a única que quero dar um beijo de boa noite. Porque a primeira vez que vi essas mãos, não pude imaginar não poder segurá-las. Mas principalmente, porque quando se ama alguém como eu te amo, casar é a única coisa a fazer.”

Título Original: Definitely, Maybe

Ano de Produção: 2008

Dirigido Por: Adam Brooks

Gênero: Comédia Romântica

Nota: 4/5


Tags:, ,
Copyright 2018. All rights reserved.

Posted 29 de março de 2016 by Hermes Lourenço in category "Filmes

Agradecemos sua visita! Volte sempre que puder! Se quiser deixe um comentário com sua opinião, assim que pudermos responderemos. Comentários ofensivos não serão aceitos.